Logo Assobrav

Volante conceito da ZF reconhece gestos para carros autônomos

Data 29/12/2017

Por:  Fabio Trindade, Diretor





Novo volante dá feedback ao motorista por meio de visores gráficos e iluminação dinâmica

Você já parou para imaginar como serão os volantes nos carros autônomos? Eles ainda serão necessários? Para a ZF, um dos maiores grupos de tecnologia automotiva do mundo, sim, eles existirão e terão seu papel. Tanto que, pensando nisso, a empresa criou um conceito futurista que poderá ser controlado por gestos.

Ainda em forma de conceito, o volante foi pensado para atender a funcionalidade de condução autônoma de nível 3 e até mesmo superior. Ele foi projetado para utilizar controle por gestos para acionar diversas funções do veículo que podem escolhidas pelo fabricante do automóvel. O funcionamento é intuitivo considerando os mesmos movimentos das mãos que são utilizados com frequência em celulares e em outros dispositivos inteligentes.

Por exemplo: um toque no volante pode acionar a buzina, e um “toque duplo” ou “toque e deslize” no aro podem ativar funções previstas e associadas com determinada parte do aro do volante, como mudar o controle de temperatura do ar-condicionado. Esses gestos são atendidos e confirmados pelo display central, displays gráficos ou sinais luminosos.

Outro tema importante é a identificação de quem está no comando da direção. Um display de 7 polegadas instalado no centro do volante indica quem está no controle, se é o condutor ou o veículo. Além disso, uma faixa de lâmpadas LED integrada ao aro do volante com luzes azuis indica que o carro está no modo autônomo, enquanto as brancas são para o modo de direção manual e as vermelhas para alerta do motorista. Também será possível configurar várias situações, como luzes amarelas para indicar mudança de direção e brilhantes ou piscando para indicar várias situações de atenção.

Volante para carros autônomos - ZF

O sistema também apresenta uma gama de funções integradas. Com 10 sensores capacitivos no aro externo, detecta a posição que o condutor está segurando o volante, enquanto um adicional no aro interno detecta se as mãos estão segurando o volante com a firmeza apropriada. A solução mostra se as mãos estão ou não no volante – ajudando a deixar claro sobre quem está no comando, se é o veículo ou o condutor, o que será fundamental para a operação autônoma de nível 3 e superior.

“Conforme nos preparamos para as funções automatizadas de nível 3, a transferência de controle entre o veículo e o condutor utilizando feedback preciso será fundamental. Acreditamos que nosso conceito é o mais intuitivo e fornece as respostas mais claras para o condutor”, explica Juergen Krebs, Vice-Presidente de Engenharia de Sistemas de Volante e Airbags de Motorista da ZF.

No entanto, essa solução criou um novo desafio, pois o airbag do condutor não poderia estar localizado no seu lugar tradicional, em função da tela de LCD localizada no centro. Os engenheiros da ZF projetaram então um novo conceito de airbag, que pode ser acionado pela parte traseira do volante, atrás da placa que cobre o display, para proteger o condutor em caso de acidente.

Fotos: divulgação


Fonte: UOL Carros / Motor1.com

Esta notícia foi marcada em Inovação


Veja também as últimas notícias

Compartilhe

Assobrav - Associação Brasileira de Distribuidores Volkswagen - Copyright © 2012 - Todos os direitos reservados
Av. José Maria Whitaker n° 603 - Mirandópolis - São Paulo - SP - CEP: 04057.900 - Fone: (11) - 5078.5400